Fernanda Brum no Programa Encontro com Fátima Bernardes na Rede Globo em outubro 2017
Fernanda Brum no Programa Encontro com Fátima Bernardes na Rede Globo em outubro 2017

A cantora gospel Fernanda Brum, atualmente a principal voz da gravadora MK Music, anunciou, na sua página do Facebook, que 2018 seria “um ano compatível a um ano sabático”.

O motivo seria o diagnóstico de que a cantora está com a síndrome de burnout, uma doença que se manifesta devido ao stress prolongado no trabalho.

Porém, aprece que a cantora não gostou da repercussão que teve a publicação da própria cantora no Facebook.

Em entrevista ao site Pleno News, ligado a gravadora MK Music, ela esclareceu que está apenas desacelerando e terá um 2018 com agenda moderada.

“Eu não vou dar uma pausa na carreira, mas vou tirar um ano parcialmente sabático, fazendo apenas grandes eventos e divulgando meu novo CD, Som da Minha Vida”, explica.

Ela falou também sobre a síndrome de burnout. “Eu indico o livro Andando com o Tanque Vazio, do pastor Wayne Cordeiro. Na burnout todas as energia se vão de repente, acontece com pessoas que trabalham muito. Dessa vez não é tão grave, mas é um sinal do corpo dizendo que eu preciso cuidar mais de mim”, afirma.

Apesar do estresse, Fernanda está feliz e se sente realizada. O álbum Som da Minha Vida, lançado no último mês, marca os 25 anos de sua carreira e é considerado, por ela, o mais importante de sua história. Além disso, ela acabou de organizar a 4ª edição da Conferência Profetizando às Mulheres e tem seu ministério Profetizando às Nações.

“A IPAN, minha igreja local, ocupa um grande lugar de responsabilidade e alegria. Nesse período eu vou me dedicar a ela, é lá onde eu vou curar a minha estafa”.

Fonte: Pleno News