Diversos pastores da igreja não registrada foram presos nas províncias de Shandong e Henan nos últimos dias

No dia 3 de dezembro, mais de 50 cristãos da Igreja não-registrada reuniram-se em uma casa no condado de Tai Kang, província de Henan. A polícia repentinamente invadiu a casa e prendeu todos os presentes. Até o momento, ninguém foi libertado.

Um dia antes, mais de 50 cristãos reuniram-se em um culto na cidade de Xiji, província de Shandong. Eles foram cercados por policiais do Comitê de Segurança Pública. Mais de 20 líderes foram detidos.

Os policiais disseram que, se pagassem 2.500 iuanes por pessoa, os cristãos seriam libertados imediatamente.

Fonte: Portas Abertas