De acordo com estatísticas do Censo dos Estados Unidos, a população americana cerca de 29% (de 246 a 318 milhões) no mesmo período que a Assembleia de Deus cresceu 47%.

Ao longo dos últimos 25 anos, a Igreja Assembleia de Deus nos Estados Unidos vem celebrando números consecutivos de crescimento, marcando mais de 3,1 milhões de adeptos no ano passado.

A linha de crescimento na denominação começou em 1989, quando foram registrados 2.137.890 adeptos. Desde aquela época, a Assembleia de Deus tem visto um crescimento de 47% até 2014, onde marcou 3.146.741 membros, o maior número já registrado.

De acordo com estatísticas do Censo dos Estados Unidos, a população americana cerca de 29% (de 246 a 318 milhões) no mesmo período que a Assembleia de Deus cresceu 47%.

A Assembleia de Deus também mostrou uma forte tendência em se tornar cada vez mais diversificada, em um país historicamente marcado pela divisão entre igrejas negras e brancas. Em 1989, 20% das igrejas eram negras; hoje, esse número saltou para 35%. Atualmente, mais de 40% dos membros americanos são negros.

Além disso, para a surpresa de alguns, os jovens formam uma parte forte na denominação. Pessoas com idades entre 18 a 34 são parte de 23,4% dos membros da igreja.

“As Assembleias de Deus têm sido marcadas pela dependência do Espírito Santo e fidelidade às Escrituras”, disse George Wood, superintendente geral da Assembleia de Deus. “Este movimento de crescimento só pode ser atribuído a bênção de Deus e Sua obra através do Espírito Santo.”

A denominação informou que possui 12.849 igrejas nos Estados Unidos, outro número recorde. Dessas igrejas, 345 foram abertas em 2014. A Assembleia de Deus também relata um número recorde de ministros: 36.884 são registrados.

[b]Fonte: Portal Guia-me[/b]