Com 2.500 metros de área construída e capacidade para cerca de duas mil pessoas sentadas, será inaugurada no próximo dia 2 a segunda maior igreja de Bauru. Trata-se da Catedral da Igreja Assembléia de Deus Madureira, localizada na quadra 14 da rua Presidente Kennedy, Centro.

Para a abertura oficial do templo é esperada a presença da liderança máxima da igreja no Brasil, o bispo Manoel Ferreira, que é deputado federal, e de seu filho, o reverendo Samuel Ferreira, que é líder no Estado de São Paulo.

Um grupo de cerca de 2.500 pessoas entre pastores e obreiros de Bauru e aproximadamente 30 cidades da região vão começar a programação de inauguração da catedral já no próximo dia 30, explica Sebastião Baborsa, pastor do novo templo. “Do dia 30 ao dia 2 vamos ter louvores, apresentações de música gospel e estudo da Palavra(de Deus). No dia 2, às 9h, teremos o ato inaugural e descerramento da placa com o pronunciamento do pastor Manoel Ferreira”, contou.

A catedral, que levou mais de dez anos para ser construída, custou pelo menos R$ 3 milhões, segundo estimativa do pastor Sebastião. Ele explicou que o dinheiro foi doado por fiéis de Bauru e das quase 30 cidades que compreendem a região da catedral. No subsolo do templo ficam o estacionamento, refeitório e salas para atividades administrativas, departamento de missões e Escola Teológica.

O maior templo de Bauru também é evangélico. É a Igreja Universal do Reino de Deus, localizada na avenida Rodrigues Alves e que foi inaugurada em abril deste ano. Ela tem mais de 6 mil metros de área construída, comporta 2.676 pessoas sentadas e custou mais de R$ 6 milhões. E entre as igrejas católicas, a maior da cidade é a Igreja de Santo Antônio, localizada na Bela Vista, que comporta 1.200 pessoas sentadas.

Em Bauru, a Igreja Assembléia de Deus Madureira tem cerca de 45 congregações espalhadas pela cidade entre templos e salões alugados, que reúnem entre 3mil e 4 mil fiéis, segundo o pastor Sebastião. A catedral, explica ele, é a sede da Igreja Assembléia de Deus Madureira de Bauru e das filiais das regiões de Botucatu, Avaré, Promissão e uma referência para os fiéis desta região. A atual sede da Assembléia de Deus Madureira é um templo acanhado, construído com madeira, quase em frente à nova catedral, que será demolido para dar lugar ao novo prédio onde funcionarão projetos sociais da igrejas.

Fonte: Jornal da Cidade de Bauru