A Globo, que decidiu cancelar a edição nacional do evento no próximo ano para apostar somente em versões regionais, pode desistir de vez do festival.

Grande passo na aproximação da Globo com o público evangélico, o festival “Promessas” pode acabar.

Criado em 2011, o show que reúne vários cantores de música gospel obteve baixa audiência em sua mais recente edição, exibida no último dia 15. O especial registrou 9 pontos no horário e viu o SBT encostar em ibope na mesma faixa. Cada ponto equivale a 62 mil domicílios na Grande São Paulo.

As edições anteriores, de 2012 e 2011, registraram 13 e 15 pontos respectivamente.

Além da audiência fraca, a emissora enfrenta problemas com as maiores estrelas do “Promessas”, que fazem parte da casting gospel da gravadora Som Livre, braço musical da Globo. Muitos querem deixar a gravadora, o que praticamente inviabilizaria a produção do espetáculo.

Somado a isso, há o processo de desativação da GEO, empresa de eventos da Globo, que promovia o festival, e o cancelamento do “Troféu Promessas”, premiação diretamente ligada ao evento.

Procurada, a Globo diz que o festival terá continuidade em 2014 e que a forma de transmissão e os locais estão sendo analisados.

[b]Fonte: Folha de São Paulo[/b]