O bispo auxiliar de Bagdá, Dom Shlemon Warduni, criticou a possibilidade de redução das tropas norte-americanas no Iraque. Sua declaração foi feita após a visita-surpresa do presidente norte-americano, George W. Bush, ao Iraque, no início desta semana.

De acordo com Dom Shlemon Warduni, o importante é construir na nação “os fundamentos de paz, operando com todas as forças e deixando de lado os interesses de qualquer facção”.

O bispo referiu-se a “um inferno”, quando falou da atual situação do país. Dessa forma, qualquer tentativa de reconciliação entre xiitas, sunitas e curdos é um importante “tijolo na construção da paz” _ sublinhou.

“A Igreja iraquiana não deixará faltar sua contribuição a esta questão decisiva” _ conclui Dom Warduni.

Fonte: Rádio Vaticano