O arcebispo de Washington, monsenhor Donald Wuerl, afirmou que o escândalo envolvendo padres norte-americanos e pedofilia, que há poucos anos atingiu os Estados Unidos, é um “problema resolvido”.

Em entrevista à ANSA, Wuerl afirmou não saber se o assunto será mencionado pelo papa Bento XVI durante sua visita ao país, que acontece entre os dias 15 e 20 de abril.

“De qualquer modo, demos uma belíssima resposta sobre esse assunto. Existia um problema a ser resolvido e nós o resolvemos. Agora se trata de voltar-se para o futuro”, disse o arcebispo.

Fonte: UAI