Em sua próxima assembléia plenária, que se realiza de 12 a 15 de novembro próximo, em Baltimore, os bispos dos Estados Unidos serão chamados a votar dois importantes documentos sobre catequese.

Aos prelados será proposto um programa de temas a serem debatidos durante as aulas de religião nas escolas superiores católicas e nos cursos de catecismo. Serão ainda propostas algumas diretrizes para a educação catequética dos jovens sobre a sexualidade humana.

Os documentos trazem a assinatura do arcebispo de Washington, Dom Donal Wuerl, presidente da Comissão Episcopal para o Catequismo.

O primeiro documento é intitulado “Elementos doutrinais de um programa para a promoção de materiais catequéticos destinados a jovens que freqüentam o segundo grau”.

O segundo documento, com 21 páginas, destina-se a educadores católicos e é dividido em duas partes: uma sobre o ensino da Igreja em relação à sexualidade, e outro, sobre o papel dos professores, catequistas, padres e todos aqueles que trabalham na formação dos jovens, para uma sexualidade responsável e autenticamente cristã.

O procedimento para a aprovação dos documentos prevê duas votações: a primeira, com a maioria simples, com a possibilidade de mudanças; na segunda são necessários dois terços dos votos.

Fonte: Rádio Vaticano