O presidente do Comitê de Migração, da Conferência dos Bispos Católicos dos Estados Unidos, Dom Gerald R. Barnes, bispo de São Bernardino, elogiou a convocação ao Congresso, feita pelo presidente George W. Bush, para que seja feita uma reforma migratória integral.

A convocação foi feita em Washington, no penúltimo discurso do presidente Bush sobre o estado da União. Bush exortou o congresso a um sério, civil e conclusivo debate que possa aprovar uma ampla reforma legal em matéria de imigração.

“O tema da reforma migratória necessita com urgência de uma ação federal” _ ressaltou Dom Barnes, numa carta dirigida ao presidente Bush e ao Congresso.

“A nação _ acrescentou Dom Barnes _ debateu esse controvertido e complexo assunto por muitos anos. Em parte, pela inação no âmbito federal, os estados e os municípios tiveram de mover-se, para adaptar suas próprias leis nessa matéria. Os norte-americanos desejam fortemente que o Congresso resolva o problema da imigração ilegal”_ sublinhou ainda o prelado.

A Conferência Episcopal dos EUA mantém uma intensa campanha para conseguir que a reforma migratória contemple um programa que permita aos imigrantes, obter a residência permanente, e um programa de proteção aos trabalhadores estrangeiros, para evitar que sejam deslocados ou explorados.

Além disso, os prelados americanos _ recordou Dom Barnes _ estão exigindo que a reforma migratória contemple uma reforma que reduza o tempo da reunificação entre o trabalhador imigrante e sua família.

Dom Barnes sublinhou que os bispos de seu país desejam que continue o processo de proteção dos direitos dos imigrantes, e que haja um acordo definitivo, para eliminar as raízes que originam a migração para os EUA.

Fonte: Rádio Vaticano