A Igreja Universal do Reino de Deus, fundada por Edir Macedo (foto) teve uma baixa de quase 230 mil adeptos em comparação com o Censo Demográfico de 2000, e passou de 2,102 milhões para 1,873 milhões.

Dados do Censo 2010, divulgados nesta sexta-feira (29), mostram que a Igreja Universal do Reino de Deus está perdendo fiéis para outras igrejas evangélicas do segmento pentecostal, tais como a Mundial do Poder de Deus e a Assembleia de Deus. Segundo o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), a doutrina evangélica é a religião que mais cresce no país.

A instituição religiosa fundada pelo bispo Edir Macedo teve uma baixa de quase 230 mil adeptos em comparação com o Censo Demográfico de 2000, e passou de 2,102 milhões para 1,873 milhões –diminuição de mais de 10,8% de seu público.

Já a Mundial do Poder de Deus, criada pelo ex-pastor da Universal e desafeto de Edir Macedo, Valdemiro Santiago –investigado pela Receita Federal após acusações de enriquecimento ilícito feitas pela Rede Record, emissora que pertence à Universal–, conseguiu arregimentar 315 mil fiéis, e pela primeira vez consta na relação de igrejas consideradas pelo Censo.

Enquanto isso, a Assembleia de Deus (que é mais conservadora em relação às demais) aparece como a igreja que conseguiu atrair o maior número de novos seguidores nos últimos dez anos: passou de 8,4 milhões para 12,3 milhões, de acordo com o Censo.

Segundo o representante da Coordenação de População e Indicadores Sociais do IBGE, Cláudio Crespo, a “transição de pessoas entre denominações no campo evangélico” é um fato comum ao contexto estudado, porém há outras variantes que podem explicar a queda no número de fiéis da Universal do Reino de Deus.

“A forma como essas igrejas se comunicam com os seus respectivos públicos, que variam de acordo com características sociais e regionais, é fundamental para entender essa questão dos evangélicos. A mensagem religiosa que se adequa a uma realidade específica, que envolve uma gama significativa de população, tem chances maiores de encontrar novos adeptos”, disse.

Em abril deste ano, uma reportagem da Folha de S.Paulo mostrou como o “discurso milagreiro” da igreja de Valdemiro Santiago vem conseguindo atrair seguidores de outras instituições evangélicas, em especial os da Universal. Estima-se que 30% do público da Mundial do Poder de Deus vieram da igreja criada por Edir Macedo.

A igreja Mundial do Poder de Deus conta com mais de 3.000 templos pelo Brasil –a Universal tem 5.000– e possui a mais extensa cobertura televisiva entre evangélicos. Só no Canal 21, são 23 horas de programação, além das duas horas diárias na Rede TV! e quatro na Band. Um gasto mensal de R$ 35 milhões em mídia.

[b]Fonte: UOL[/b]