Após grave acidente de carro no Chile, Chris Duran, cantor de grande sucesso no Brasil e nos EUA, se tornou evangélico e hoje é cantor gospel e pastor da Igreja Apostólica Geração da Conquista, no Recreio dos Bandeirantes, Rio. .”Tinha fama, mulheres, dinheiro, mas não a felicidade”, testemunha o cantor.

No ano de 1999, Chris Dúran embalava o tema do personagem principal da novela “Andando nas Nuvens”, o anjo Thiago, interpretado por Caio Blat. O cantor francês, então, bombou nas paradas de sucesso do Brasil e conquistou fama e dinheiro.

No ano seguinte, um grave acidente de carro no Chile, porém, fez com que o loiro – que era adorado por adolescentes – mudasse completamente. “Tinha fama, mulheres, dinheiro, mas não a felicidade”, conta Chris, que se tornou evangélico e hoje é pastor da Igreja Apostólica Geração da Conquista, no Recreio dos Bandeirantes, Rio. Ele mora no Brasil há cinco anos e, antes, morava em Miami.

Chamado

Chris começou a carreira de cantor em 1998. O belo rapaz, que chegou a ser coroinha na infância, foi descoberto por um caça-talentos que também era produtor de Julio Iglesias. Ele, então, gravou um CD em espanhol, “Te perdi”, cuja canção de trabalho virou tema da novela da Globo, e estourou nas paradas de sucesso dos EUA.

Durante a divulgação do trabalho, o cantor se encantou pelo Brasil. Ele namorou belas mulheres, dentre elas Sabrina Parlatore, e começou a namorar Poliane, com quem se casou há cinco anos.

Antes de sofrer o acidente, Chris havia gravado o segundo CD da carreira todo em inglês, “Why”, quando diz ter tido o seu primeiro “encontro” com Jesus. “Estava em depressão, deitado no meu quarto em Miami trocando os canais da TV quando parei em um canal onde haviam muitos jovens orando. Neste momento um vento forte entrou pela janela do meu quarto e senti uma emoção muito forte. Ouvi a voz de Deus falando comigo e nesse momento percebi a presença do Espírito Santo”.

Conversão

Após o “chamado”, Chris resolveu mudar radicalmente de vida. Se converteu – ele foi criado com orientação católica -, se casou e virou pastor. “Larguei a carreira no auge e não me arrependo. Sucesso, juventude e beleza são coisas que passam, mas Jesus não. Hoje tenho uma missão muito maior. Deus me falou que minha missão é levar a palavra para o máximo de pessoas”, diz o cantor, que ganhou disco de platina com o CD Gospel, “Reverência”.

Chris Durán já tem muitos seguidores, que costumam procurar o cantor por causa de seu “dom da cura”. “Quem faz esses milagres é Jesus e ele me usa como o seu instrumentos. Já vi paralítico andar, surdo voltar a escutar, cego voltar a enxergar. Isso não é uma novidade, assim como os antigos discípulos de Jesus, eu também sou usado com a finalidade de aliviar algumas dores.”

Atualmente Chris vive do dinheiro que ganha cantando e pregando em igrejas ao redor do mundo. “Tenho uma filha pequena (Esther, 2 anos) para criar e tiro o meu sustento da venda dos discos”, explica o cantor, que também prega em igreja católicas. “Meu maior desejo é fazer um culto na igreja do Padre Marcelo. Amo esse homem.”

Fonte: EGO