agência de notícias International Christian Concern (ICC) foi informada de que no dia 17 de julho, muçulmanos nigerianos assassinaram nove cristãos no vilarejo de Maza, próximo à cidade de Jos.

Os agressores muçulmanos invadiram o vilarejo cristão por volta de 1h30, enquanto os cristãos estavam dormindo. Eles assassinaram a esposa e os dois filhos do pastor Nuhu Dawat, da Igreja de Cristo na Nigéria (COCIN). Eles também incendiaram a igreja do pastor.

Os agressores assassinaram quatro membros de outra família, e incendiaram diversas casas cristãs.

A polícia prendeu três dos suspeitos. Acredita-se que os muçulmanos são moradores do Estado de Bauchi, onde a maioria é muçulmana.

[b]Fonte: Missão Portas Abertas [/b]