O bispo da Igreja Universal, Marcelo Crivella (PRB) é o candidato com maior índice de rejeição que disputa a prefeitura do Rio de Janeiro, segundo pesquisa do Datafolha divulgada na Folha de São Paulo. A sondagem mostra que 33% dos eleitores não votariam em Crivella de maneira alguma.

Após 21 dias de horário eleitoral gratuito na TV, o candidato do PMDB, Eduardo Paes, dono do maior tempo entre os postulantes à Prefeitura do Rio, cresceu oito pontos percentuais. Com 25% das intenções de voto, ele divide a liderança da disputa com o bispo licenciado da Igreja Universal do Reino de Deus, que tem 21% das intenções.

A rejeição a Paes é de 14%, 19 pontos a menos do que a do candidato do PRB. A margem de erro é de três pontos percentuais para mais ou para menos.

Em terceiro lugar está a candidata Jandira Feghali (PC do B), que diminuiu três pontos percentuais em relação ao levantamento de agosto e agora está com 12% da preferência. Jandira está empatada tecnicamente com o candidato Fernando Gabeira (PV), que está com 8% do eleitorado, seguido de Solange Amaral (DEM), que está com 7%.

O Datafolha ouviu 944 eleitores entre os dias 04 e 05 de setembro de 2008. A margem de erro é de 3 pontos percentuais, para mais ou para menos. A pesquisa foi encomendada pela TV Globo e registrada sob o número RPE 27/2008 no TRE-RJ (Tribunal Regional Eleitoral) do Rio de Janeiro.

A pesquisa revelou que 18% dos eleitores estão sem candidatos e 12% votariam em branco ou anulariam o voto. Outros 6% ainda não souberam responder.

Fonte: Folha Online