Cantora gospel Daniela Araújo
Cantora gospel Daniela Araújo

A cantora gospel Daniela Araújo falou pela primeira vez sobre a grande polêmica que protagonizou em sua carreira e que chegou a ser considerado como o maior escândalo no cenário gospel de 2017. Daniela foi gravada por um ex-namorado enquanto comprava e consumia drogas.

Após o escândalo, a cantora se afastou das redes sociais e não comentou sobre o assunto até que neste dia 1º de janeiro ela resolveu quebrar o silêncio.

Em seu Instagram, a cantora, que é filha do casal de pastores Jorge Araújo e Eula Paula, dois ícones da música evangélica nos anos 80 e 90, postou um texto em que tenta justificar que desde criança o mal trabalhava em sua vida.

A artista escreveu dizendo que se sentiu rejeitada até mesmo por pessoas que ela chegou a ajudar até que nos anos de 2015 e 2016 ela se viu tão sozinha que acabou tomando decisões erradas. “O que me rejeitou foi a religião! Graças a Deus não tenho mais mágoas, mas tudo isso me causou um sentimento de revolta”, diz.

“No ano de 2015 e 2016 me vi tão sozinha e desesperada, o que me levou a acreditar em mentiras e a fazer escolhas erradas e a quase desistir de tudo. Não estou justificando nada, fui fraca e despreparada para a batalha e a responsabilidade foi toda minha. E o pior aconteceu!”, completou.

Meses após o escândalo, Daniela chegou a fazer um curso de oração na “Estância Paraíso”, um ministério de restauração e libertação de vidas por meio da intercessão que é mantido pela pastora Ezenete Rodrigues, da Igreja Batista da Lagoinha.

“Deus esteve sempre comigo, não me deixou morrer, Ele me guardou. Muitos me cobram explicações, mas eu sei que terei oportunidade de contar meu testemunho para a edificação de muitos na hora certa, e espero que vocês estejam presentes para que Deus seja glorificado.”, disse a artista, dando a entender que pretende contar seu testemunho e que em breve ela deve estar retomando a carreira.

Leia íntegra do texto do Instagram da cantora:

 

Fonte: O Fuxico Gospel e JM Notícia