Várias pessoas morreram num tiroteio com a Polícia na região de Orissa, no leste da Índia, que registrou nos últimos cinco dias vários choques entre cristãos e hindus, segundo diversas fontes.

O centro dos incidentes é o povoado de maioria cristã de Brahmanigaon, a cerca de 150 quilômetros da capital do distrito de Phulbani, informou a agência indiana “Ians”.

Nesta quinta-feira à noite, centenas de aldeões queimaram várias casas da minoria hindu. Os seus moradores foram resgatados pela Polícia.

Depois, cerca de 500 pessoas foram até a delegacia e começou um tiroteio que durou mais de uma hora. Pelo menos quatro pessoas morreram e três foram feridas, segundo um policial.

A fonte acrescentou que o número exato de mortos ainda não pôde ser comprovado porque as comunicações com o povoado estão cortadas.

O jornal regional Sambad disse que os mortos são nove. Outras cinco pessoas poderiam ter morrido nos choques entre hindus e cristãos.

Os distúrbios começaram na segunda-feira passada, em Brahmanigaon, por causa de uma disputa em torno das festas de Natal, que os cristãos queriam celebrar apesar da oposição dos hindus.

Fonte: EFE