Padres e bispos de qualquer ordem estão expressamente proibidos de entrar na residência onde está a imagem de Nossa Senhora de Fátima – que transpira mel desde o dia 16 de maio –, localizada na Rua Domingos Marques, Bairro Villas Boas.

Uma faixa colocada na frente da casa expõe publicamente a decisão dos donos do local de impedir a visitação destas pessoas.

O casal José Rezek, 68, e Sônia Miranda Diniz, 48, – donos da estátua – não comentou sobre a resolução de proibir a visita de padres e do arcebispo Dom Vitório Pavanello, que ainda não conferiu o fenômeno.

Voluntários da residência, não identificados, comentaram que a família estaria magoada com a posição da Igreja Católica de não se manifestar sobre o fenômeno que se tornou público há 47 dias.

Segundo os voluntários, nos últimos dias, padres foram encaminhados, à paisana, acompanhados de parapsicólogos à residência do casal Sônia Miranda Diniz e José Rezek, para investigar o fato.

O assessor de comunicação da arquidiocese, padre Adailton Miorin, afirmou que padres não foram ao local a pedido da Cúria Metropolitana. “Não é verdade, não tomamos nenhuma atitude”, disse padre Miorin.

De acordo com as decisões do arcebispo Dom Vitório Pavanello, segundo padre Adailton, foi criada comissão de três padres que está acompanhando a família e em data não divulgada o bispo visitará o casal. “O arcebispo está esperando o dia em que não haverá presença de visitantes e da imprensa para conversar com a família”, comentou.

Diversos padres passaram pela casa da família Rezek para pregar a palavra de Deus.

Missa

Anteriormente, todos os dias ocorria a reza do terço, em que a família e os fiéis acompanhavam sob a orientação de um padre. Hoje, segundo os visitantes, as orações estão sendo realizadas no mesmo período, mas apenas com a participação das pessoas que visitam a imagem.

Ensaio

O arcebispo está ensaiando uma visita à casa da família Rezek desde o mês passado. Contatos por telefone foram feitos para tentar promover o encontro do casal com Dom Vitório. Em uma ocasião, o arcebispo chegou próximo da residência, mas desistiu de entrar quando percebeu a presença da imprensa. Até hoje, não houve outro contato mais significativo para que seja concretizado o encontro.

Fonte: Maracaju News