O músico sugeriu que o papa argentino seja santificado agora mesmo, conforme publica a imprensa americana nesta quarta-feira (29).

O cantor britânico Elton John voltou a elogiar o Papa Francisco, chamando-me de “meu herói”, desta vez em uma festa beneficente contra a Aids em Nova York, nos Estados Unidos.

“Há 10 anos, um dos principais obstáculos na luta contra a Aids era a Igreja Católica. Hoje temos um papa que fala abertamente sobre isso”, garantiu o artista durante o evento, que contou com a participação, inclusive, do governador de Nova York, Andrew Cuomo.

“Transforme este homem em santo já, ok?”, completou Elton John, que no ano passado já havia elogiado Francisco.

Em julho de 2013, quando a edição italiana da revista “Vanity Fair” elegeu ao pontífice como “homem do ano”, o cantor garantiu que “é um milagre de humildade na era da vaidade”. Em julho, John classificou o papa como “maravilhoso”.

Ontem, em um restaurante em Nova York, durante a solenidade de gala, o cantor garantiu que Francisco é seu “herói”, depois do anúncio de que os homossexuais eram aceitos na Igreja Católica. Para o britânico, o papa “quer que todo mundo seja incluído no amor de Deus”.

[b]Fonte: 180 Graus[/b]