Papa Francisco não esconde o entusiasmo e exibe camisa da Alviceleste no Vaticano.

Além da multidão que tomou conta de Porto Alegre, a seleção argentina terá outro trunfo na partida contra a Nigéria. Na audiência geral desta quarta-feira, na Praça de São Pedro, o Papa Francisco foi presenteado com uma camisa da Alviceleste e, sem esconder o entusiasmo, exibiu a peça para os fiéis que acompanhavam a cerimônia.

[img align=left width=300]http://s2.glbimg.com/MferTMLAiivLTQOGmmLLANHn1Ew=/103×0:2000×1264/690×460/s.glbimg.com/es/ge/f/original/2014/06/25/papa_camisaargentina_reu_95.jpg[/img]Natural de Buenos Aires, o primeiro papa nascido no continente americano tem sido utilizado como amuleto pela torcida argentina. Nos dias de jogos, faixas com menções ao Papa Francisco se tornaram comuns, assim como torcedores fantasiados como o chefe da Igreja Católica.

Jorge Mario Bergoglio, nome de batismo do Papa, é um notório torcedor do San Lorenzo, um dos grandes da Argentina. E tem conquistado fama de pé-quente desde que assumiu a Igreja. O time de Almagro viu a sorte mudar radicalmente e, de quase rebaixado em 2012, conquistou o título argentino no ano seguinte. A equipe também conseguiu se classificar para as semifinais da Libertadores da América, e enfrentará o Bolívar, depois da Copa.

Em seu último jogo pela fase de grupos da Copa, a Argentina enfrenta a Nigéria no Beira-Rio, às 13h (de Brasília). A seleção de Messi e cia precisa apenas de um empate para se garantir no primeiro lugar do Grupo F. Os adversários africanos também dependem apenas de empate para avançar para as oitavas de final. A previsão é de que Porto Alegre receba 100 mil torcedores do país vizinho nesta quarta-feira.

[b]Fonte: Globo Esporte[/b]