Um americano de 56 anos decidiu largar tudo e ir para o México depois de, segundo ele, ter testemunhado uma aparição divina. “Peguei minha cruz, meu carro e vim para cá dizer ao exército e à polícia que Deus está com eles para acabar com o mal”, disse o homem, identificado apenas como Eduardo, à agência AFP.

De acordo com ele, a “aparição” ordenou-lhe que viajasse até o México com uma cruz nas costas para anunciar que Deus tinha chegado ao país e ajudar o exército a derrotar “o mal”, em alusão ao combate dos militares contra os narcotraficantes.

“Por isso, há dois anos viajo por todo o país anunciando a derrota sobre o mal e ajudando o exército e a polícia porque o México está muito atingido por estes males”, disse Eduardo, que assegura que Jesus Cristo apareceu para ele em Roma, no Estado americano do Texas.

Desde então, ele caminha pelo país com uma cruz de mais de 30 kg às costas anunciado a palavra de Deus e entregando folhetos às pessoas que encontra pelo caminho. Ele acredita que mais de 100 mil pessoas já tenham recebido sua mensagem.

Eduardo, que diz já ter estado em mais de 100 cidades mexicanas, caminha oito horas por dia carregando a cruz. Quando ele decide que é hora de mudar de cidade, sobe em seu carro e vai em frente.

Fonte: Terra