O ex-bispo e candidato de esquerda Fernando Lugo ganhou as eleições presidenciais no Paraguai neste domingo, segundo várias pesquisas de boca-de-urna, terminando com 61 anos de poder do Partido Colorado.

De acordo com a pesquisa Jornal ABC/Rádio Ñanduti, Lugo recebeu 43% dos votos, contra 37% para Blanca Ovelar, do Partido Colorado.

Segundo a mesma pesquisa, o general reformado Lino Oviedo obteve 16% e o candidato independente Pedro Fadul, 3%.

Outra pesquisa, Última Hora/Telefuturo, confirma a vitória de Lugo, mas reduz a margem do ex-bispo de esquerda, que aparece com 40,1%, contra 37,2% para Ovelar e 16,9% para Oviedo.

Uma terceira sondagem, da Ica, atribui a Lugo 41,4%, contra 37,9% para Ovelar, enquanto o instituto Geo dá ao ex-bispo 41,8%, contra 36,4% para a candidata do governo.

Caso a Corte Eleitoral confirme estas projeções, Lugo será o primeiro presidente paraguaio fora do Partido Colorado desde 1947.

O Partido Colorado, do presidente Nicanor Duarte, perderia assim o poder após 61 anos no governo do país, incluindo os 35 anos da ditadura de Alfredo Stroessner (1954-1989)

Fonte: EFE