Fãs de heavy metal – neste caso, os fiéis ao estilo – iniciaram uma campanha no Reino Unido para que o gênero seja reconhecido oficialmente como uma religião no país.

Por meio de uma página na rede social Facebook, os autores da iniciativa querem que os fãs deste tipo de música respondam “heavy metal” quando perguntados no censo do Reino Unido sobre a religião que seguem.

Uma iniciativa similar durante o último censo levou 390 mil pessoas residentes no Reino Unido a declarar que sua fé religiosa era a jedi, a crença fictícia criada para a saga cinematográfica Guerra nas Estrelas.

Até agora, cerca de dez mil pessoas se uniram à campanha lançada na semana passada pela revista Metal Hammer, entre elas Biff Byford, vocalista da pioneira banda britânica Saxon, para oficializar a fé “heavy”.

Byford foi proposto pela revista como “o embaixador para a paz do heavy metal mundial” caso a campanha tenha sucesso.

Citado pela agência local de notícias PA, Alexander Milas, diretor da Metal Hammer, declarou que, “como muitas outras boas ideias, esta surgiu em um pub”.

“A resposta foi arrasadora e não faz mais do que reforçar a crença de que o heavy metal continua forte no Reino Unido, onde nasceu, e no resto do planeta. Se os jedi podem fazê-lo, nós também”, afirmou Milas.

O Escritório Nacional de Estatísticas (ONS), organismo encarregado de elaborar o censo (o último é de 2001), lembrou que, embora há nove anos mais gente tenha se declarado jedi do que sikh, isto não transformou “a força” em uma religião oficial.

Os jedis foram incluídos na categoria de cidadãos “sem religião”. Por isso, algo similar pode acontecer com os que transformam em ato de fé escutar AC/DC, Black Sabbath, Deep Purple, Judas Priest, Iron Maiden, Sepultura e Metallica, entre muitos outros.

Fonte: Estadão