A maior comemoração religiosa do Paquistão, o “Tableeghi Ljtima”, conhecida como festa dos pregadores, terminou neste domingo na cidade de Raiwind, após reunir 1 milhão de pessoas procedentes de todo o mundo.

O “Tableeghi Ljtima” é uma organização de muçulmanos internacional que a cada ano se reúne em Raiwind, perto de Lahore, em uma celebração de fé que dura três dias.

Concentrações parecidas se realizam a cada ano em Daca, capital de Bangladesh, e Bhopal, na Índia.

Os peregrinos que vão a Raiwind são missionários que dedicaram sua vida a expandir o Islã pelo mundo, e são em parte responsáveis pelo crescimento de conversões à religião e pelo fervor dos fiéis.

Um dos organizadores da reunião, Maulana Ilyas, afirmou que 1 milhão de pessoas compareceu à edição deste ano, e disse que neste domingo foi realizado um casamento em massa de 300 casais dirigido por conhecidos líderes religiosos.

Círculos diplomáticos acreditam que a rede de pregadores se radicalizou ao ponto de que ter se tornado uma força de extremismo islâmico e uma grande agência de recrutamento para a causa da jihad (guerra santa) no mundo todo.

Fonte: Terra