Um funcionário da polícia norte-americana foi preso depois de invadir uma igreja para olhar fotos pornográficas no computador de uma freira. Thomas Findler foi acusado de arrombamento e roubo. Ele trabalha em um escritório da polícia do estado de New Jersey.

As autoridades disseram que Findler já tinha entrado sorrateiramente na igreja Episcopal Grace St. Paul durante todo o mês de janeiro – sempre à noite e sempre atrás de pornografia.

Na manhã do dia 30 de janeiro, provavelmente depois de varar a noite no local, uma pessoa que trabalha na igreja encontrou Findler no computador da freira. O funcionário o levou até um posto policial próximo à igreja e o denunciou. Nas “horas vagas”, Findler é freqüentador dessa mesma igreja.

Fonte: G1