O ator John Travolta, membro da Cientologia, deve dar a seu filho, o adolescente Jett, morto na sexta-feira (2), um funeral de acordo com os preceitos da seita.

O velório deve acontecer assim que for concluída a autópsia, cujo resultado é previsto para ainda esta semana. Jett Travolta era o filho mais velho de Travolta e sua esposa, a atriz Kelly Preston, que também é membro da Cientologia.

Jett, que tinha 16 anos, passava férias nas Bahamas quando sofreu uma convulsão. Ele foi encontrado inconsciente em um banheiro da casa de veraneio da família em um resort.

A causa da morte ainda não foi divulgada, mas há informações de que o garoto possuia um histórico de convulsões.

Como deve ser a cerimônia

De acordo com especialistas em Cientologia, as cerimônias fúnebres costumam incluir a leitura de textos de L. Ron Hubbard, fundador da igreja, e não contam necessariamente com a presença do corpo, que pode ser substituído por uma fotografia do homenageado.

Os membros da Igreja da Cientologia acreditam em um processo similar à reencarnação, em que, depois da morte, o espírito deixa o corpo e encarna em um novo ser. Segundo especialistas, o funeral costuma enfatizar a busca da alma por um novo corpo, na esperança de que ela retorne ao mundo de forma melhor e espiritualmente mais elevada.

Há possibilidade de que compareçam à cerimônia outros membros famosos da Cientologia, como Tom Cruise e sua mulher, Katie Holmes. No entanto, os cientologistas não costumam fazer restrições à presença de pessoas de outras crenças.

Convulsão causou morte de filho de John Travolta, diz agência

Jett Travolta, o filho de 16 anos do ator John Travolta, morreu em decorrência de uma “convulsão”, afirmou nesta segunda-feira (5) a agência de notícias Associated Press. A informação foi obtida junto a um funcionário de uma casa funerária das Bahamas, ilha caribenha onde a família Travolta passava férias na última semana.

De acordo com o funcionário, a palavra “convulsão” (seizure, em inglês) constava do certificado de morte recebido pela agência funerária. Ainda de acordo com ele, o corpo do menino estaria em “ótimas condições” e não apresentava sinais de trauma, apesar dos relatos preliminares da polícia de que o adolescente podia ter batido com a cabeça na banheira.

Nesta segunda, uma autópsia foi realizada no corpo de Jett, mas as autoridades locais não divulgaram seus resultados oficiais.

‘Arrasados’

Neste domingo, o ator John Travolta quebrou dois dias de silêncio sobre a morte do filho e afirmou que ele e sua mulher Kelly Preston estão “arrasados” com a perda repentina.

“Jett era o filho mais maravilhoso que dois pais poderiam querer e iluminou as vidas de todos com quem se encontrou”, disse Travolta em um comunicado no seu site.

“Estamos arrasados de que nosso tempo com ele tenha sido tão curto. Vamos lembrar com carinho dos momentos que tivemos com ele pelo resto de nossas vidas”.

O comunicado não se refere ao histórico médico de Jett nem à possível causa da morte. Mas agradece em nome do ator, de sua mulher e da sua filha de 8 anos, Ella, pelas “muitas mensagens de condolências de todo o mundo”.

Travolta havia dito anteriormente que Jett ficou muito doente quando era criança e foi diagnosticado com a doença de Kawasaki, que causa inflamações das veias sanguíneas em crianças.

Fonte: G1