Franklin Graham foi apontado como o principal líder cristão na América pela empresa de mídia Newsmax , que se propôs a identificar as 100 pessoas que mais “fazem um impacto real na vida moderna, em 2015.”

Presidente de dois ministérios globais – Associação Evangelística Billy Graham e Bolsa do Samaritano –, Franklin Graham atinge milhões de pessoas com a esperança de Jesus Cristo, cuidando de órfãos, viúvas e dos mais pobres em todo o mundo.

Billy Graham foi listado na quinta posição. Seguindo os dez primeiros da lista, estão o Pastor Rick Warren, da Megaigreja Saddleback (6º), Mike Huckabee, ex-governador do Arkansas e potencial candidato à presidência dos EUA (7º) e a autora best-seller Joyce Meyer (9º).

[b]Atingindo milhões online
[/b]
Os autores da lista Newsmax mencionaram os novos desafios e oportunidades que líderes cristãos enfrentam em um mundo digital, afirmando que “aceitar a Cristo e cometer pecado contra ele são duas coisas feitas diante de uma tela de computador hoje.”

Em seu papel como chefe da Associação Evangelística Billy Graham, Franklin Graham, levou o ministério de 65 anos de seu pai à era digital. Através do site billygraham.org, mídias sociais e web streaming, Deus está usando o ministério para chegar a lugares onde Billy Graham nunca poderia visitar pessoalmente, incluindo muitas partes do Oriente Médio.

Na última semana, o Ministério Billy Graham marcou o alcance de 6 milhões de pessoas através do evangelismo na internet desde 2011.

[b]Turnê de Evangelismo
[/b]
Em seu papel de principal líder cristão dos EUA, Franklin está pedindo aos crentes que orem por ele na próxima turnê que fará ano que vem, em 50 estados, para compartilhar a mensagem de Jesus e chamar os cristãos a viverem corajosamente a sua fé.

“Eu vivi o suficiente para aprender que nem os democratas, nem os republicanos podem transformar este país”, Franklin postou em sua página no Facebook. “Nenhum partido político ou governante é a resposta. A única esperança para este país é o Todo-Poderoso Deus e Seu Filho Jesus Cristo.”

[b]Fonte: Guia-me[/b]