Um frei foi preso em flagrante no começo da noite da segunda-feira, em Várzea Grande, ma Grande Cuiabá, acusado de estupro de vulnerável.

Ele foi detido por policiais quando saía de um motel com uma adolescente de 16 anos.

Segundo informações da polícia, ele é pároco da Igreja Nossa Senhora da Guadalupe, que fica em Cuiabá. Após a prisão o frei foi levado para a delegacia, onde usou o direito de ficar calado durante o interrogatório.

A delegada da Delegacia de Defesa da Mulher, Juliana Palhares, não quis divulgar o nome do frei, que foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML) de Cuiabá para exames.

O sacerdote foi encaminhado para Polinter, onde permanece detido.

– Estupro de vunerável é a capitulação legal para este crime que ele cometeu. A pena é de reclusão de oito a 15 anos – afirmou a delegada.

A adolescente foi encaminhada para a delegacia onde prestou depoimento, acompanhada da mãe. Em seguida, ela foi submetida a exames no IML.

[b]Fonte: O Globo[/b]