O presidente dos Estados Unidos, George W. Bush, declarou nesta terça-feira que Israel deveria ser reconhecida como “a pátria dos judeus”, na abertura da conferência internacional de Annapolis (leste dos EUA).

Pouco antes, Bush anunciou que israelenses e palestinos concordaram em reativar imediatamente as negociações de paz e fazer o máximo para chegar a um acordo antes do fim de 2008.

“Este acordo estabelecerá a Palestina como a pátria palestina, da mesma forma que Israel é a pátria dos judeus”, disse Bush.

Esta é uma questão muito polêmica entre israelenses e palestinos. Os palestinos temem que o reconhecimento formal em um tratado de paz de Israel como “Estado judeu” impeça o retorno dos refugiados palestinos.

Os israelenses, por sua vez, temem que a volta de milhões de refugiados palestinos altere a identidade de Israel e coloque os judeus numa posição minoritária.

Fonte: AFP