Uma música que junta super-heróis de quadrinhos a coreografias com rebolados e insinuações sexuais entre o Super-Homem e a Mulher Maravilha é o hit do verão.

“Foge, foge, Mulher Maravilha. Foge, foge com o Superman”, diz um dos trechos de “Liga da Justiça”, da banda LevaNóiz. A palavra “foge” é repetida mais de 80 vezes em quatro minutos, mas o cantor André Ramon, 23, nega que haja duplo sentido.

“A maldade está na cabeça das pessoas”, afirma ele.

Com elementos do samba e do axé music, o pagode baiano tem como exemplo mais recente de sucesso o “Rebolation”, do Parangolé.

Lançada em novembro passado, “Liga da Justiça” é uma das mais tocadas nas rádios baianas e já figura como favorita na disputa pelo título de música mais tocada no Carnaval de Salvador.

A música já passou pelo repertório de Ivete Sangalo e Claudia Leitte, principais representantes da axé music.

Elas funcionam como uma espécie de Midas para bandas como o LevaNóiz.

No Youtube, vídeos relacionados à música, como o clipe oficial feito pela banda, já ultrapassaram 1 milhão de visualizações, se somados.

No clipe, o cantor André Ramon aparece vestido de Super-Homem e rebola ao lado de duas dançarinas fantasiadas de Mulher Maravilha.

O vídeo traz ainda uma animação com os personagens repetindo a coreografia, com direito a gritos agudos do Robin (parceiro do Batman) e troca de olhares maliciosos entre o Super-Homem e a Mulher Maravilha.

[b]Fonte: Folha de São Paulo
[/b]