Hoje, cerca de 3 mil igrejas participarão do DIP, o Domingo da Igreja Perseguida. A celebração, que é realizada no país pela Missão Portas Abertas, acontece anualmente sempre no primeiro domingo após o Pentecostes.

O DIP tem o objetivo de mobilizar e conscientizar cada vez mais um número maior de cristãos brasileiros a se engajar na causa da parte do corpo de Cristo que sofre perseguição e intolerância religiosa.

Muitas vezes não temos a noção do que é pregar o Evangelho em Mianmar, por exemplo, que é totalmente fechada para o Evangelho.

Igrejas estão sendo queimadas, missionários mortos, enquanto pastores brasileiros estão preocupados em se degladiarem e tornar a ‘sua’ denominação maior que a outra.

Quando as pessoas conhecem essa realidade, eles passam a orar apropriadamente e nossos irmãos são fortalecidos e permanecem firmes em sua fé.

Pense nisso e ore!

Fonte: Missão Portas Abertas e O Galileu