Um homem invadiu uma igreja na cidade de Catingueira, no Sertão da Paraíba, destruiu as imagens sacras e depois teve um infarto e morreu.

Durante a invasão à igreja, Edmílson Jovino ainda agrediu o padre.
Segundo informações do padre Fabrício Dias Timóteo, o Círio Pascal e as imagens sacras do Cristo Crucificado e de Nossa Senhora de Fátima foram destruídas após a novena.

– Ele estraçalhou logo de imediato um ventilador de pé. Ele pegou a haste desse ventilador, veio em minha direção para agredir. Eu me defendi, mas ele ainda conseguiu me dar um soco – disse o padre.

Após invadir e destruir imagens sacras, Edmílson foi até a Praça da Matriz, onde foi capturado por populares e, em seguida, entregue à Polícia. Logo em seguida, ele começou a passar mal e morreu.

– Segundo o parecer de alguns médicos, houve um infarto, um problema cardíaco fulminante – disse o padre Fabrício Dias.

Por enquanto, a igreja permanece fechada. Ainda não se sabe se as imagens sacras vão ser restauradas ou substituídas.

[b]Fonte: O Globo[/b]