Marilyn Manson, que está na Alemanha apresentando o seu novo CD, foi proibido de entrar em uma igreja católica de Colônia, na Alemanha. Os coordenadores da catedral não divulgaram o motivo da proibição, porém, o músico imagina que seja por causa da maquiagem que usa.

“Infelizmente não me deixaram entrar, provavelmente porque eu estava usando batom”, comentou Manson, que está fazendo shows na região.

Brian Hugh Warner, mais conhecido pelo nome artístico de Marilyn Manson, é um músico norte-americano, líder e vocalista da banda que leva seu nome. Sempre rodeado de polêmicas, já foi apelidado de anticristo.

O cantor estará no Brasil em setembro, também pela turnê do álbum “Eat me, Drink me”.

Fonte: Terra