Localizada no Centro, paróquia é renegada pela Diocese de Bauru em comunicado do bispo Dom Frei Caetano.

Parece Igreja Católica Apostólica Romana, mas não é. Localizada na rua Cussy Júnior, Centro, a Paróquia do Bom Jesus dos Milagres foi renegada nesta quinta-feira pelo bispo dom Frei Caetano Ferrari em comunicado enviado à imprensa por e-mail.

A confusão começou quando a igreja – em atuação desde 1987 – se mudou para a região central. Ganhou visibilidade e levou católicos a questionarem a diocese sobre a “nova paróquia” da cidade.

A instituição, ao contrário das protestantes, chamadas evangélicas, possui imagens de santos, além do título de “Igreja Católica Carismática”, facilmente confundido com o RCC (Renovação Carismática Católica), movimento pertencente à Igreja Católica Romana.

A igreja responde a uma diocese (de Campinas). Também tem missas, batizados e casamentos ministradas por padres – não reconhecidos pelos bispos da Igreja Católica Apostólica Romana.

Em contrapartida, os padres da Igreja Católica Carismática podem ser casados. Nas missas há rituais de expulsão de demônios e outros pontos que os aproximam das igrejas evangélicas pentecostais.

[b]‘Referida entidade’[/b] / Por causa das semelhanças e diferenças, a Diocese de Bauru recebeu ligações de católicos confusos com a igreja “diferente”.

“Dadas as confusões criadas pela referida entidade quanto ao uso de nomes e práticas católicas apostólicas romanas, venho a público declarar que a diocese não reconhece o valor sacramental e canônico de nada que se refira ou que se relacione com tal entidade que se diz católica”, informa a nota de dom Caetano.

Segundo ele, o padre Valmir Damásio, da Paróquia Bom Jesus de Bauru, alega estar “em comunhão com o papa Bento 16”. Mas o bispo acentua: “Reiteramos que não reconhecemos a sua condição de padre”.

[b]RESPOSTA/[/b] O padre Valmir Damásio, em nome do bispo Dom Euclides Nunes, de Campinas, afirmou que nunca disse que a igreja estava ligada a Roma.

“No mundo inteiro existem católicos romanos, ortodoxos, veteros, nacionais. Temos respeito ao espírito de unidade pelos sacramentos”, explica Damásio.

[b]O que é o protestantismo?
[/b]É uma das divisões do cristianismo, criado após a reforma protestante – como o episódio é conhecido na história – de Martinho Lutero, no século XVI. O protestantismo questiona algumas doutrinas da Igreja Católica Romana. A reforma protestante provocou grande de perda de fiéis ao catolicismo.

[b]Igreja Católica Apostólica Romana
[/b]Os católicos acreditam que a Igreja Católica Apostólica Romana foi criada há mais de dois mil anos por Jesus Cristo. A autoridade máxima do catolicismo é o papa Bento 16, considerado o sucessor do apóstolo Pedro.

[b]Fonte: Rede Bom Dia[/b]