A [url=http://folhagospel.com/modules/news/article.php?storyid=30816]igreja onde aconteceu o desabamento na noite de sábado (29)[/url] não tinha passado por vistoria e também não possuía o certificado de regularidade, conforme informou nesta segunda-feira (31) o comandante Tiago Franco, do Corpo de Bombeiros de Gurupi, sul do Tocantins. O documento é importante para atestar que o prédio possui condições de funcionamento. O teto da igreja Deus é Amor desabou quando fiéis participavam de um culto. Várias pessoas ficaram feridas. Uma delas contou ao produtor da TV Anhanguera, Heitor Moreira, que a madeira trincou e caiu 30 minutos após o início do culto.
[img align=left width=300]http://s2.glbimg.com/Tr8uLgR93V0JBO2eOjPtglAiQ-A=/620×465/s.glbimg.com/jo/g1/f/original/2015/08/31/igreja_1.jpg[/img]
Segundo Franco, o desabamento pode ter acontecido devido à precaridade da estrutura do prédio, mas as causas só serão esclarecidas após a perícia feita pela Polícia Civil. A Secretaria de Segurança Pública informou que a perícia já foi solicitada para a equipe de engenharia civil da polícia e que o laudo deve ser concluído em 10 dias.

Membro da igreja, Leonardo de Oliveira Santos conduzia o culto no momento do desabamento. No vídeo, ele mostra o corte que teve na cabeça. “Nós estávamos abrindo o culto, quando as madeiras de cima trincaram e caíram por cima de nós. Tinha meia-hora de culto, tinha acabado de começar, não tinha muita gente. Foi só um susto graças a Deus”, contou ele.

Os Bombeiros informaram no último sábado que três pessoas precisaram ser levadas para o hospital. Duas foram retiradas dos escombros. Nesta segunda-feira (31), o Hospital Regional de Gurupi informou que Noemi Vieira da Silva, 56 anos, Deguivar Alves Rodrigues, 51 anos e Maria Aparecida Neves Rodrigues, 46 anos, deram entrada no Pronto Socorro por volta das 20h30. Eles apresentavam ferimentos e escoriações pelo corpo, receberam atendimento, passaram por exames e receberam alta às 22h30 do mesmo dia, segundo a nota.

[b]Entenda[/b]

O teto da igreja Deus é Amor desabou durante um culto por volta das 19h50 de sábado (29), em Gurupi. Cerca de 35 pessoas participavam do culto no momento do desabamento, conforme testemunhas. A igreja fica no setor Pedroso, saída para o município de Dueré. Ainda não é possível dizer o que provocou o acidente. Segundo os Bombeiros, o local será periciado. Após o desabamento, o local foi interditado. O templo vai passar pela perícia e depois de ser reformado, deve ser vistoriado pelo Corpo de Bombeiros.