Vários sites cristãos e blogs republicaram a notícia de que o Centro de Seleção da Universidade de Brasília (CESPE/UnB) abriria o primeiro concurso para pastor da Igreja Universal do Reino de Deus.

A notícia de que a Igreja Universal do Reino de Deus teria contratado o Centro de Seleção e de Promoção de Eventos da Universidade de Brasília (CESPE/UnB) para elaborar e aplicar um concurso público para contratar pastores se espalhou pela internet em sites e diversos blogs.

Os pastores contratados através do suposto concurso teriam salário inicial de R$ 8 mil, além dos benefícios.

Procurada pela Redação do Gospel+, a Igreja Universal do Reino de Deus negou a veracidade da informação e repudiou o boato: “É impressionante como alguns veículos de comunicação e seus profissionais publicam notícias quais não há nenhuma coerência e não procede de nenhuma fonte, a não ser a mente pervertida de alguns que trabalham para difamar um trabalho honesto”, afirmou o pastor Paulo Cezar Mendes.

O pastor Mendes ressaltou que a função de “pastor não é profissão. É vocação”.

A igreja liderada pelo bispo Edir Macedo já havia desmentido essa notícia em Julho de 2011, em nota enviada ao portal AZ, afirmando que a notícia “carece de qualquer fundamento ou indício fático”.

Porém, sites cristãos e blogs sobre temas diversos republicaram a notícia, sem apuração dos fatos. A repercussão fez com que a notícia falsa alimentasse fóruns de discussão na internet e manifestações de interesse por parte de fiéis e supostos pastores de outras denominações.

[b]Fonte: Gospel+[/b]