No trote, uma garota falava ao vivo pelo Skype quando ela fez sinal para um amigo aparecer na webcam com o bumbum de fora.

A Igreja Universal do Reino de Deus irá processar a menina que realizou um trote com os bispos no programa “Fala que eu te escuto” da última terça (30), na Record, quando um rapaz apareceu na webcam com o bumbum de fora.

As declarações feitas no programa contra a menina chocaram no Twitter pelo caráter desafiador e agressivo. O bispo Clodomir falou que a mãe da menina não teria gostado do trote: “Ela, inclusive, estaria desgostosa com tal situação”.

Depois, as insinuações foram feitas pelo bispo Antônio Bulhões, que foi à atração como convidado. “A menina não deve ter tido uma educação adequada, os pais não devem ter dado a atenção necessária para ela, tanto que ela é intelectualmente incapaz de pensar seriamente”, disse.

As falas mais graves foram feitas por Clodomir, quando considerou que os responsáveis pelo trote seriam os integrantes do “Pânico na Band”, dizendo que eles influenciam mal a juventude brasileira. “Não sei como existem emissoras que financiam isso, que deixam programas, se é que podemos chamar isso de programas, são programinhas aí, pra influenciar mal os jovens. Essa nova geração são os filhos do ‘Pânico’, fazem tudo para denegrir a imagem dos outros. O problema não é a nudez, ou a crítica, é ela não respeitar um programa religioso, que ajuda muitas e muitas pessoas”, disparou.

[b]Fonte: Boainformacao.com.br[/b]

Notícia relacionada: [url=http://folhagospel.com/modules/news/article.php?storyid=26350]Garota arma “trote da bunda” no Fala Que Eu Te Escuto[/url]