Igrejas de Fiji, Indonésia, Nova Zelândia, Samoa, Tuvalu, Estados Unidos, Canadá e Noruega organizam cadeias de oração para as 24 horas do próximo domingo, 21 de setembro, Dia Internacional de Oração pela Paz.

Nos Estados Unidos, a campanha está sendo coordenada por On Earth Peace, um organismo da Igreja dos Irmãos. Em torno de 140 congregações estadunidenses anunciaram que vão celebrar reuniões públicas de oração no domingo em favor da paz e contra a violência.

“Esperamos que as congregações participantes se esforcem para estabelecer novas relações ecumênicas e inter-religiosas, e que aprofundem as que já existem em nível local, de forma a consolidar sua posição sobre uma base mais permanente para fazer frente à violência em suas comunidades”, disse o coordenador do grupo estadunidense, Matt Guynn.

A idéia de celebrar um Dia Internacional de Oração pela Paz surgiu de encontro do secretário-geral do Conselho Mundial de Igrejas (CMI), pastor Samuel Kobia, com o então secretário-geral da Organização das Nações Unidas (ONU), Kofi Annan, em 2004.

A escolha da data, 21 de setembro, ou o domingo mais próximo, coincide com o Dia Internacional da Paz, da ONU. Esta é a quinta edição do Dia Internacional de Oração pela Paz.

Fonte: ALC