Após o gol na disputa de pênaltis, o meio-campo Washington, do Penapolense, se ajoelhou, levantou os dedos para o céu e gritou o slogan da campanha publicitária da igreja: “Eu sou Universal! Eu sou Universal!”.

A Igreja Universal do Reino de Deus foi parar no horário nobre da Globo na quarta-feira, 26. O meio-campo Washington, do Penapolense, gritou o nome da igreja ao comemorar o gol de pênalti que ajudou a elminar o São Paulo do Campeonato Paulista.

O jogador, após converter o terceiro gol na disputa de pênaltis, se ajoelhou em frente ao gol, levantou os dedos para o céu e gritou “Eu sou Universal! Eu sou Universal!”. O slogan faz parte de uma campanha publicitária da igreja. Os anúncios são exibidos nos intervalos da Record e de outras emissoras de TV e rádio. Neles, as pessoas dão um depoimento e dizem, orgulhosamente, “Eu sou a Universal”.

Embora o microfone no gramado do Morumbi, onde foi disputado o jogo, estivesse relativamente distante de Washington, foi possível ouvir o grito do meia do Penapolense.

Evangélico e frequentador da Igreja Universal desde 2010, o atleta de 25 anos afirma que gritou “Eu sou Universal” para divulgar a igreja em rede nacional. “Desde o jogo contra o Corinthians eu queria divulgar a Igreja Universal”, disse Washington ao Notícias da TV.

Após a “bênção alcançada”, o meia quer aparecer na campanha da Igreja Universal. “Como moro em Penápolis, não deu para gravar, mas assim que voltar para São Paulo vou falar com o bispo da minha igreja para fazer o comercial”, diz o jogador.

Ontem, após empate sem gols, o Penapolense eliminou o São Paulo nos pênaltis e se classificou pela primeira vez para a semifinal do Campeonato Paulista.

Assista à comemoração do meia Washington, do Penapolense, [url=http://globotv.globo.com/sportv/futebol-nacional/v/os-penaltis-de-sao-paulo-4-0x0-5-penapolense-pelas-quartas-de-final-do-paulistao/3241205/]neste link[/url] (a partir de 2’57”).

[b]Fonte: Notícias da TV – UOL[/b]