Dizendo-se revoltado com o barulho dos cultos promovidos pela Igreja Evangélica Assembléia de Deus, no bairro Jardim Serrinha, em Balsa Nova (Região Metropolitana de Curitiba), Emerson Brasilino Camargo, 18 anos, resolveu acabar de vez com o incômodo.

Na madrugada deste domingo ele incendiou a igreja e uma casa próxima. Emerson foi preso e os dois imóveis ficaram totalmente destruídos.

Por volta das 2h, Emerson e um amigo, identificado como Djalma ou “Tupanzino”, resolveram incendiar o templo. Além de colocar fogo na igreja, que estava vazia, situada na Rua Bandeirante, eles aproveitaram para incendiar uma casa que era usada como mocó para alguns desocupados, que fica a 200 metros do templo, na Rua Raposo Tavares.

A ação dos incendiários poderia ter ido ainda mais longe não fosse o olhar atento de um morador que avisou a polícia e o Corpo de Bombeiros.

Foram necessários três caminhões do Corpo de Bombeiros para apagar as chamas – um de Curitiba e dois de Campo Largo. Mesmo assim a destruição foi total. Cada imóvel tinha cerca de 80 metros quadrados. Por sorte, ninguém estava na casa ou na igreja.

Emerson foi preso em flagrante e levado a delegacia de Balsa Nova, de onde foi encaminhado à delegacia de Campo Largo.

O comparsa dele, que já está identificado, conseguiu escapar. De acordo com os soldados do Corpo de Bombeiros, Emerson, que morava perto da igreja, alegou que resolveu incendiá-la porque não agüentava mais o barulho provocado pelo culto.

Fonte: Paraná Online