O jogador evangélico, Kaká, meia do Milan, foi o único brasileiro escolhido para integrar a lista de 23 jogadores indicados para o prêmio de melhor jogador do mundo de 2008 na eleição da Fifa. Kaká é o atual detentor deste prêmio. A cerimônia que premiará o melhor do ano será dia 12 de janeiro, na Suíça.

Além do ex-são paulino, nomes como o dos argentinos Agüero, do Atlético de Madri, e Messi, do Barcelona e do favorito Cristiano Ronaldo, português do Manchester United, também integram a relação.

Atual detentor do prêmio, Kaká enfrentou Messi e Cristiano Ronaldo na eleição do ano passado. Desta vez, porém, o português é o favorito para ficar com o título. O atacante do Manchester foi eleito o melhor jogador da última edição da Liga dos Campeões após ter levantado a taça do torneio continental. Além disso, foi artilheiro na campanha vitoriosa do Manchester no Campeonato Inglês.

Machucado, Kaká não integrou a equipe que foi bronze nos Jogos Olímpicos de Pequim. O jogador era pretendido por Dunga para a equipe e, após os torneio na China, acabou ficando fora da lista de convocados para os confrontos com Chile e Bolívia pelas Eliminatórias da Copa do Mundo de 2010.

Kaká retornou à seleção para o confronto com a Venezuela, em Pueblo Nuevo, e abriu o placar na goleada por 4 a 0 sobre os donos da casa. A convocação serviu para selar a paz entre o meia e treinador da seleção. Na volta, o ex-são paulino ainda foi homenageado ao colocar a marca de seus pés na calçada da fama do Maracanã.

Deco, brasileiro naturalizado português e que defende o Chelsea, também está entre os 23 indicados. Além disso, a lista conta com dois goleiros: o atual campeão do mundo Buffon, da Itália, e o espanhol Casillas, campeão da Eurocopa.

A Espanha, campeã da última edição da Eurocopa, foi o país com mais jogadores indicados para a premiação. Além do goleiro, outros cinco nomes foram citados: Fernando Torres, do Liverpool, Xavi e Iniesta, do Barcelona, Fabregas, do Arsenal, e David Villa, do Valência. O último entrou na lista justamente por ter se destacado como o artilheiro da competição.

O russo Arshavin, do Zenit, é a grande surpresa da lista. Destaque da badalada seleção que morreu nas semifinais da Euro-08, o atacante é único indicado que não atua em um clube tradicional do Velho Continente. O modesto time russo, porém, foi a sensação da última temporada ao conquistar a Copa da Uefa e, mais recentemente, bater o Manchester United por 2 a 1 na disputa da Supercopa da Europa.

O trio de finalistas ao prêmio só será conhecido em dezembro. A cerimônia que premiará o melhor do ano está agendada para o dia 12 de janeiro, em Zurique, na Suíça.

Com a prata olímpica, três jogadoras brasileiras apareceram na lista de indicações. Além de Marta, atual detentora do título, e Christiane, terceira colocada na última eleição, Daniela Alves também concorre ao prêmio deste ano. A alemã Birgit Prinz também está entre as concorrentes.

Já as norte-americanas, que derrotaram o Brasil na prorrogação dos Jogos de Pequim, têm duas representantes na lista. Lloyd, que marcou o gol do título logo aos 5min do primeiro tempo da prorrogação, não está na relação. Mas a goleira Solo, que entre outras defesas operou um verdadeiro milagre ao espalmar um chute à queima-roupa de Marta no confronto decisivo, está. Boxx também foi indicada.

A lista de jogadoras concorrentes ao prêmio de melhor do mundo tem apenas 10 nomes. A goleira alemã Angerer, a canadense Christine Sinclair, a inglesa Kelly Smith e a norueguesa Ingvild Stensland também foram indicadas.

Fonte: UOL Esportes