FG News: Confrontos religiosos matam mais de 140 na Nigéria

Postado em: 20-01-2010 Mais de 140 pessoas morreram até esta terça-feira, em dois dias de violência entre grupos de cristãos e muçulmanos na cidade de Jos, na região central da Nigéria. A informação foi dada por religiosos e funcionários de mesquitas que preparam sepultamentos em massa.

At√© o momento, o n√ļmero de v√≠timas n√£o teve verifica√ß√£o independente, e nenhum grupo crist√£o se pronunciou.

Os primeiros confrontos teriam ocorrido no domingo e ainda continuariam. Há notícias de tiroteios e incêndios em prédios.

Um toque de recolher de 24 horas foi imposto na √°rea, que j√° havia registrado outros epis√≥dios de viol√™ncia nos √ļltimos anos.

Em 2008, pelo menos 200 pessoas morreram em embates entre muçulmanos e cristãos, e cerca de mil pessoas morreram em 2001.

Regi√£o vol√°til

A atual onda de violência forçou pelo menos 3 mil pessoas a deixarem as suas casas e se alojarem em um acampamento improvisado em uma academia de polícia.

Jos fica no centro da Nig√©ria, em uma regi√£o vol√°til - entre o norte, de popula√ß√£o majoritariamente mu√ßulmana, e o sul, onde a maioria √© crist√£ ou segue religi√Ķes tradicionais locais.

Segundo correspondentes, tais choques na Nigéria costumam ser atribuídos a sectarismo.

Mas pobreza e acesso a recursos como terra com frequência estão na raíz da violência.

Fonte: BBC Brasil