FG News: Visão Mundial realiza "24 horas de Fome"

Postado em: 12-08-2011 O projeto 24 Horas de Fome é um evento com foco na juventude cristã que usa a mobilização como forma de reflexão e ação e cujo objetivo é uma nova mentalidade de compaixão e ação.

A fome voluntária aguça tudo isso. São 24 horas de jejum, com início numa sexta-feira à noite e final no sábado.

O tema trata de fome. No entanto, a Visão Mundial alargou o conceito para quatro outras formas de fome que assolam grande parte da população:

FOME DE COMIDA - Mateus 25:35 nos apresenta uma solicitação do Mestre de que teve fome e deram de comer a Ele; teve sede e O deram de beber. Após a pergunta sobre quando deram de comer ou beber a Ele há a afirmação: ”o que vocês fizeram a algum dos meus menores irmãos a mim me fizeram”. Comida como necessidade fisiológica básica. Como algo legislado como direito de cidadania. Como justiça, pois se uns têm demais, outros não podem ter falta. Como estabelecimento de paz entre os homens. Paz que não permite o furto ou a cobiça dos bens do próximo (Êxodo 20:15, 17).

FOME DE CIDADANIA - Jesus em Mateus 4:23 vai ao encontro do povo. Vai para garantir que haja cidadania, igualdade. Em um mundo iníquo (desigual), urge irmos por todos os cantos, pregando as boas-novas (não apenas com o kerigma - proclamação, mas, principalmente com a diakonia – serviço).

FOME DE PAZ - Jeremias 29:7 afirma que devemos orar pela paz da cidade, porque na paz dela teremos paz. Todos os pacificadores são chamados por Jesus de bem-aventurados (Mateus 5:9). Eles serão chamados filhos de Deus, porque Ele é o Príncipe da Paz.

FOME DE JUSTIÇA - Miquéias 6:8 afirma que Deus nos mostrou o que é bom e que Ele, o Senhor, exige: “pratique a justiça, ame a fidelidade e ande humildemente com o seu Deus”. A justiça faz parte da essência de Deus. Ele é Justo. E o Seu Filho afirma que “os que têm fome e sede de justiça serão satisfeitos” (Mateus 5:6).

Baseados nessas verdades, profundamente comovidos com a situação de iniquidade do mundo, uma nova geração, somada a uma geração já inconformada, se priva de alimento por 24 horas para poder compreender melhor o que se passa com alguém que faz jejum involuntário e se mobiliza no intuito de mudar o que se estabeleceu, mas que não representa a proposta do Reino de Deus.

Palavras para o evento: jejum, mobilização, louvor, oração, reflexão, doação.

24 horas de fome

Data: Dia 12 de agosto, das 18h às 21h
Dia 13 de agosto, das 9h30 às 18h10
Local: Seminário Teológico Batista do Norte
Rua Padre Inglês, Boa Vista – Recife (PE)

Confira outros locais onde o "Projeto 24 Horas de Fome" estará sendo realizado clicando aqui