Miss√Ķes: O perigo se aproxima da igreja em Camar√Ķes

Postado em: 15-09-2016 Imagem redimensionada

Ataques são cada vez mais frequentes e a violência se intensifica, principalmente, no Norte do país; ore pelos cristãos camaronenses perseguidos.

O Norte de Camar√Ķes tem sido alvo de ataques suicidas por parte do grupo extremista Boko Haram. H√° poucas semanas, houve um incidente violento em pleno domingo. Tr√™s pessoas morreram e 24 ficaram feridas. O pa√≠s n√£o est√° entre os 50 da atual Classifica√ß√£o da Persegui√ß√£o Religiosa, mas j√° ocupa o 60¬ļ lugar de acordo com sua pontua√ß√£o.

Camar√Ķes est√° numa regi√£o em que a persegui√ß√£o aos crist√£os fica cada vez mais intensa, fazendo fronteira com a Nig√©ria (12¬ļ), Chade (54¬ļ) e Rep√ļblica Centro-Africana (26¬ļ). O atual ataque √© uma demonstra√ß√£o de que o perigo est√° cada vez mais pr√≥ximo. Embora os l√≠deres dessas na√ß√Ķes tenham tido alguns sucessos militares contra o grupo extremista, parece que a luta contra eles ainda n√£o acabou.

Enquanto isso, a igreja camaronense se prepara e se fortalece através da fé em Cristo. Embora dezenas de igrejas tenham sido fechadas pelo governo, desde 2013, os fieis continuam a pregar o evangelho ousadamente. A Portas Abertas tem apoiado milhares deles, através de ajuda humanitária, treinamento de líderes e distribuição de Bíblias.

Fonte: Portas Abertas