M√ļsica: Oficina G3 disponibiliza dois √°lbuns nas plataformas digitais

Postado em: 05-12-2016 Imagem redimensionada

A banda de rock Oficina G3 disponibilizou, nas plataformas digitais, dois discos de sua carreira musical. S√£o Nada √Č T√£o Novo, Nada √© T√£o Velho e Indiferen√ßa, lan√ßados nos anos de 1993 e 1996, respectivamente. A a√ß√£o faz parte de um planejamento anunciado anteriormente pelo grupo de disponibilizar, digitalmente, sua discografia.

Os dois √°lbuns fazem parte da chamada fase ‚Äúhard rock‚ÄĚ do grupo. Nada √Č T√£o Novo, Nada √Č T√£o Velho, por exemplo, conta ainda com a participa√ß√£o do baixista original da banda, Wagner Maradona. Com a sa√≠da do m√ļsico, Duca Tambasco entrou em seu lugar e ficou respons√°vel pela grava√ß√£o do instrumento em algumas m√ļsicas espec√≠ficas. Estas can√ß√Ķes, mais tarde, foram relan√ßadas na vers√£o em CD, de 1994.

Indiferen√ßa, por sua vez, est√° entre os discos de maior aclama√ß√£o da banda e foi considerado, por vezes, um dos cl√°ssicos do rock crist√£o brasileiro. A produ√ß√£o, de 1996, foi assinada por Paulo Anhaia que, na √©poca, tamb√©m trabalhou com Resgate, Brother Simion, Katsbarnea e outros artistas. √Č neste √°lbum que Jean Carllos faz sua estreia como tecladista.

Os dois discos, assim como outros trabalhos mais antigos da Oficina G3, foram alvos burocr√°ticos por muitos anos. Quando o grupo iniciou um relacionamento com a gravadora MK Music firmado, por meio de contrato em abril de 2000, uma das cl√°usulas com a antiga gravadora, a Gospel Records, era de que a banda perderia todos os direitos com seus discos antigos.

Um dos fundadores da banda, o ex-vocalista T√ļlio Regis, que participou do disco Ao Vivo (1990), relembrou a situa√ß√£o em uma entrevista cedida ao radialista Ruben Mukama em 2008. ‚ÄúOficina G3 era a banda que mais vendia, nos deram um contrato animalesco contra a gente e assinamos, inocentes, acreditando ‚Äėno dia que voc√™s quiserem mudar algo ou sa√≠rem, n√£o vai ter problema de nada, somos amigos!'‚ÄĚ, disse.

‚Äú[‚Ķ] eles se submetiam ao distrato que sofriam, como bandinha, deveriam voar mais alto, independente ou indo para uma gravadora melhor; ficaram receosos, porque tinham o apoio de m√≠dia da Renascer [em Cristo] e do ap√≥stolo [Estevam Hernandes], e temiam retalia√ß√£o‚Ķ‚ÄĚ, segundo T√ļlio Regis que, em suas palavras, foi um dos incentivadores ao contrato da banda com a MK.

Fonte: Gospel Prime