Música: Perlla deixa carreira gospel e anuncia retorno ao funk e à música pop

Postado em: 01-07-2017 Imagem redimensionada

A cantora Perlla afirmou ao jornal Extra que está desistindo de sua carreira como cantora gospel e que irá retornar ao mercado secular.

“Quero voltar a levar minha alegria para as pessoas. Antes, eu estava em outra vibe, com outros pensamentos, imaginava que não dava para conciliar a minha religião com essa carreira artística, mas descobri que posso continuar sendo a Perlla que eu sempre fui porque a saudade ficou”, disse ela.

Ao que parece, a participação da cantora no programa “Pagode do Gago” na Rádio FM O Dia fez com que ela percebesse que o público que ela abandonou sentiu sua falta e ainda gosta de sua música. A participação dela nessa atração, fez com que o pastor Otoni de Paula a impedisse de se apresentar em sua igreja.

Perlla frequenta hoje a Igreja Batista da Lagoinha na Barra da Tijuca, Rio de Janeiro, ministério liderado pelo casal Filippe e Mariana Valadão. Ela continuará frequentando a igreja, mas não seguirá mais como cantora gospel.

“Fiquei um tempo dedicada a minha família, mas decidi que agora, com minhas filhas maiores, é o momento de voltar”, declarou ela que é casada com o músico Cássio Castilhol, com quem tem duas filhas: Pérola, de 5 anos, e Pietra, de 4.

Estilo musical não definido

Perlla não usará mais o MC na frente de seu nome e prefere não rotular o estilo musical que irá seguir. “Com relação a minha música, eu nunca gostei de rotular”.

A cantora sabe que abriu as portas para que cantoras de funk melody surgissem e acredita que foi influência para cantoras como Anitta e Ludmilla. “Se perguntarem para elas [Anitta e Ludmilla] se em algum momento ouviram as minhas canções, acho difícil não responderem que não fui uma inspiração. O que existe hoje foi porque eu deixei um caminho, uma estrada. Se elas seguem determinado estilo, foi porque passaram pelo meu som”, afirmou.

Cantora não se arrepende de seguir no gospel

Se hoje ela volta ao mercado secular, não se arrepende de ter se dedicado nesses últimos sete anos a meio gospel e pretende participar do ministério de louvor de sua igreja.

“Não me arrependo de nada que fiz. O tempo de amadurecimento em todas as áreas foi muito importante. E tive o apoio dos pastores da igreja para seguir. Eles disseram para eu levar minha alegria para as pessoas”, declarou ela.

Foram sete anos de ministério, onde Perlla chegou a lançar um CD pela Central Gospel Music com o título de “Minha Vida Mudou”. Com o fim do contrato com a gravadora, Perlla gravou mais um disco religioso o “Noite de Paz – Canções para Celebrar” pela Deckdisc e planejava um lançamento pela Mess Entretenimento.

Cantores que deixaram o gospel

Perlla não é a primeira cantora a deixar o gospel nos últimos anos.

A decisão de Léo Brandão, por exemplo, tem repercutido fortemente nas redes sociais.

Imagem redimensionadaFãs do cantor lamentaram e pastores comentaram a decisão do jovem que agora deve seguir carreira como cantor sertanejo. Mas Léo também não é o primeiro a tomar essa decisão, outros artistas já fizeram isso e muitos outros ainda tomarão essa atitude.

Em janeiro deste ano o meio gospel se abalou com a decisão de Felipão de voltar a cantar forró no mercado secular. O cantor conquistou o público evangélico, gravou CDs, visitou inúmeras cidades do país se apresentando em igrejas e depois decidiu voltar para uma banda de forró.

Outro cantor que recentemente deixou o meio evangélico foi Pierre Onassis que ficou oito anos se dedicando à música gospel, mas em 2015 resolveu voltar para o grupo Afrodisíaco, que mistura reggae, axé e MPB.

No mercado internacional há dois nomes que recentemente chamaram a atenção da imprensa por fazer essa migração de gospel para secular. Entre eles a cantora Britt Nicole deixou seus fãs surpresos com essa decisão.

Na Suécia, a troca de mercado foi a decisão tomada por Jonathan Thulin que agora segue carreira secular com o nome de Andreas Moss.

Artistas pop começaram a cantar na igreja

No cenário pop temos inúmeros nomes de artistas que iniciaram a carreira cantando na igreja e foram parar no topo das paradas de sucessos no mercado secular. Separamos alguns desses nomes que hoje são artistas consagrados, mas que tiveram suas bases dentro das igrejas norte-americanas.

Eles são: Elvis Presley, Stevie Wonder, Whitney Houston, James Brown, Ray Charles, Katy Perry, Britney Spears e Chris Martin.

Fonte: JM Notícia