FG News: Turco faz queixa à FIFA acusando o Inter de “ofender o Islã”

Postado em: 11-12-2007 Baris Kaska, um advogado turco, apresentou uma denúncia à FIFA e à UEFA pedindo a anulação dos três pontos conquistados pelo Inter na recepção ao Fenerbahce (vitória por 3-0) por considerar que a equipa italiana “manifestou de forma explicita a superioridade racista de uma religião”, no jogo do Grupo G da Liga dos Campeões.

A equipa de Luis Figo jogou com o equipamento alternativo no referido jogo em San Siro, a 27 de Novembro, e a camisola branca com uma cruz vermelha não agradou nada aos turcos que comparam essa cruz à utilizada pelos cavaleiros da Ordem dos Templários, fundada pouco depois da conquista de Jerusalém (1099) na primeira cruzada. “Esta cruz recordou-me a dos dias sangrentos do passado. O Inter ofendeu o Islã”, considera Baris Kaska na queixa apresentada.

Fonte: Mais Futebol – Portugal