FG News: Cantora gospel e pastores realizam cultos em agradecimento à vitória de Obama

Postado em: 10-11-2008 A vencedora do Grammy de melhor álbum de soul e gospel, Shirley Caesar, fez uma oração e cantou em um culto de ações de graças em homenagem ao novo presidente dos EUA, Barack Obama, informou a rede de TV americana CNN.

"Nós esperamos por esse momento e ele chegou, aleluia. Eu não sei vocês, mas eu não tenho mais nada que coloque a minha cabeça para baixo. Porque quando eu olho para Washington, eu vejo uma nova família chegando. E eles se parecem como nós, eles são como nós". disse Shirley, durante o culto realizado durante o dia de ontem, na igreja Monte Calvário, na Carolina do Norte.

Em outras cidades do país, o domingo também foi de celebração à vitória de Obama. Em alguns cultos, o líder dos direitos civis, Rev. Martin Luther King Jr, foi lembrado pela "mensagem de igualdade e paz". Vários cristãos aproveitaram o domingo para pedir a Deus que dê a Obama "sabedoria e força para tirar o país daquilo que muitos consideram uma imensidão de melancolia e desespero".

Em uma mensagem enviada aos fiéis na semana passada, o pastor da primeira Igreja Batista do país, Gregg Matte, parabenizou Obama pela conquista da Casa Branca, mas criticou a superexposição do democrata e disse que a "sociedade criou um salvador do governo".

"Hoje, Hollywood é nosso pastor, tecnologia é a nossa bíblia, carisma é o nosso valor e Barack Obama é o nosso presidente", afirmou Matte, que no último domingo pediu para mais de mil cristãos brancos se levantarem durante a missa "em respeito ao novo presidente".

"Todos se levantem, mesmo aqueles que não votaram nele. Ele será o nosso presidente a partir de 20 de janeiro. Por isso, vamos atrás dele, orar por ele e orar por sabedoria, que Deus lhe conceda sabedoria para que ele seja capaz de falar com seu coração", disse o pastor.

Em igrejas do Estado do Mississippi, região de movimentos pela supremacia branca, a cena era oposta. De acordo com o pastor David W. Carrol, de uma Igreja Metodista, em Jackson, houveram diversas vaias durante o discurso em homenagem ao novo presidente.

"Lembrei o discurso de McCain e falei que não importa que ele ganhou, mas teremos que servir ao novo presidente", disse o pastor que afirmou ter sido vaiado pelos presentes.

Fonte: Folha Online