O cardeal francês Jean-Marie Lustiger, ex-arcebispo de Paris, faleceu nesse domingo na capital francesa, aos 80 anos, informaram fontes do governo.

O cardeal morreu em um centro médico do sudoeste de Paris, no qual ele foi internado em 23 de abril passado.

Seu falecimento foi anunciado às 20h (15h de Brasília), após a missa na Igreja de Saint Germain des Près, informou uma testemunha à AFP.

Aaron Lustiger, nascido em 17 de setembro de 1926 em Paris, em uma família de comerciantes judeus de origem polonesa, converteu-se ao catolicismo em 1940, escolhendo o nome de Jean-Marie.

Ordenado padre em 1954, foi capelão dos estudantes da Sorbonne. Nomeado bispo de Orleans em 1979 pelo Papa João Paulo II, tornou-se arcebispo de Paris em 1981, cargo que desempenhou até 2005.

Em 1983, Jean-Marie Lustiger foi nomeado cardeal.

Em outubro de 2006, Lustiger anunciou aos padres e diáconos de Paris que sofria “uma doença grave, cujo tratamento havia começado”.

Fonte: AFP