Jenji Kohan, criadora de ‘Orange Is the New Black’, uma das series mais assistidas da Netflix no mundo todo, anunciou que prepara um novo show, focado na adolescência de Jesus.

[img align=left width=300]https://cdn1.tnwcdn.com/wp-content/blogs.dir/1/files/2016/06/Netflix-Older-Logo.png[/img]Em entrevista à Hollywood Reporter, ela afirmou que o projeto está na fase inicial, mas deverá “deixar algumas pessoas nervosas”.

“Sim, estamos desenvolvendo um projeto sobre um Jesus adolescente [para Netflix] que seria como Ao Anos Incríveis, mas com Jesus no centro. Sim, isso é o tipo de coisa que fazemos onde temos de ultrapassar limites”, afirmou Kohan, sem especificar que limites seriam esses.

Além de Orange, que tem uma clara agenda LGBT, Kohan também ajudou a produzir Weeds, um seriado que falava sobre a cultura das drogas.

Ela é judia e diz que frequenta uma sinagoga, mas que não tem problemas em lidar com questões que “pessoas de fé considerariam imoral”.

Sem entrar em detalhes, durante a entrevista já adiantou que espera uma reação violenta dos cristãos, que possivelmente não gostarão do que será mostrado.

[b]Fonte: Gospel Prime com informações de Faith Wire[/b]