A Organização Não Governamental italiana “Evangelho de la Vida” ofertou, neste fim-de-semana, 525 mil Euros para ampliação das infraestruturas de ensino do lar de crianças órfãs “Evangelho da Vida”, no Lubango, província da Huíla, afeto a igreja Católica.

O lar, que acolhe 80 crianças desamparadas, vê assim resolvido um dos maiores problemas que afligia a sua direção, segundo confirmou em entrevista à Angop o Padre Benedito Kapingala, seu responsável.

Segundo o prelado, a instituição tem sete salas mas carece de material escolar e de um internato. Disse ainda que as actuais instalações não satisfazem a demanda das crianças provenientes das províncias de Luanda, Benguela, Cabinda e Huíla, devido o conflito armado que o país viveu durante 30 anos.

Fez saber que com este dinheiro, mais nove salas de aulas serão construídas nos próximos meses, por forma a dar melhor conforto as crianças, cuja idade vai dos cinco aos 16 anos.

O Padre Benedito Kapingala sublinhou, por outro lado, que o governo doou, em finais de Agosto deste ano, 30 sacos de cimento para o mesmo beneficio e as obras estão a cargo da Associação dos Empreiteiros de Construção Civil do Sul de Angola.

O Lar evangelho da Vida, na província da Huíla, é uma instituição não lucrativa e fundada em 1998, pelo padre Benedito Kapingala, com objetivo de acudir a carência das crianças órfãs, abandonadas, de rua e na rua de todo o país.

Fonte: Angola Press