Jovens tiveram reações extremas, tais como choros, gritos e risadas após serem tocadas por padre.

Um padre polonês chocou famílias de jovens durante um acampamento religioso por praticar exorcismo em massa. No evento havia mil adolescentes de escolas da cidade de Gryfice, noroeste do país, que se reuniram por três dias para “explorar Deus e fazer votos espirituais”. As informações são do The Mirror.

[img align=left width=300]http://p2.trrsf.com/image/fget/cf/940/0/images.terra.com/2015/03/31/poloniapadrejovensrepromirror.jpg[/img]Apesar do intuito de reunir os jovens para orações e reflexões ao longo dos dias, o padre Tomas Wieczorek, 37 anos, foi mais longe e praticou o exorcismo em massa no local, deixando jovens chorando, gritando ou mesmo desmaiados no chão.

Os pais dos adolescentes ficaram chocados com a cena, como Magda Rutkowska, 43 anos, por exemplo, uma das mães no local. “No primeiro dia, ele pediu para que algumas crianças colocassem as mãos na testa e repetissem ‘Espírito Santo, venha’. Então, algumas começaram a gritar, outras choravam”, contou. Segundo a mulher, o padre explicou que Deus estaria “entrando em suas almas e expulsando o demônio”.

Ainda de acordo com testemunhas, alguns jovens foram tocados pelo padre e, instantaneamente, começavam a gritar ou a rir alto. “O padre disse que estava purificando-os, mas isso foi demais para todos nós. Não retornamos no dia seguinte porque tivemos medo do que poderia acontecer”, disse Rutkowska.

A psicóloga escolar Halina Wysocka disse que “crianças não são emocionalmente maduras o suficiente para experimentar a oração, por métodos semelhantes aos de seitas”.

Um porta-voz da igreja afirmou que não foram recebidas queixas até agora, então não há “nenhum problema”.

[b]Fonte: Terra[/b]